Facebook da Linking Sites Instagram da Linking Sites Youtube da Linking Sites LinkedIn da Linking Sites Twitter da Linking Sites Whatsapp da Linking Sites
Fone: (11) 94340-4373
CONTATO
BLOG
PLANOS
CLIENTES
EMPRESA
HOME
HOME
EMPRESA
SERVICOS
CLIENTES
PLANOS
BLOG
CONTATO

Dicas de Marketing digital para pequenas empresas

 >    >  
Publicado em 13/02/2019

Diferencial ou obrigação?

Com a crescente adesão do público aos meios digitais, é impensável uma marca sem um site ou uma rede social para a divulgação dos produtos e contato com os seus consumidores. Neste mundo online, o marketing digital é só mais uma obrigação ou ainda pode ser de fato um diferencial?

47% dos internautas só compram em loja física após pesquisarem na internet. É o que aponta pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) publicada em agosto do ano passado.

O que eles buscam?

Informações sobre preços, detalhes e características daquilo que pretendem adquirir e opinião de outros clientes sobre a experiência de compra. Os eletrodomésticos, smartphones e eletrônicos estão no topo da lista, seguidos de roupas e acessórios e cosméticos e perfumes.

O que isso mostra? A internet vem se consolidando como o primeiro degrau na jornada de compras. É onde os consumidores estão gastando seu tempo. E o que esse público espera? Que as empresas sejam capazes de atendê-los neste novo cenário que os fazem viajar livremente entre os diferentes canais de venda e relacionamento. Ele é físico e virtual, tudo ao mesmo tempo agora.

Se os clientes estão na internet, é ali que as estratégias das empresas devem estar também. O marketing precisa se conectar com seu público-alvo, no lugar e momento certos. Por isso, o marketing digital é primordial para aqueles que querem falar com seu público e ter retornos efetivos de investimento. A questão não é mais sobre optar ou não em investir em marketing digital, mas na abordagem que se faz dele.

Homem e mulher analisando dicas de marketing digital para pequenas empresas no notebook

Os mitos do marketing digital

Você acredita que marketing digital é despesa e não investimento? Acha que qualquer um com milhares de amigos nas redes sociais pode fazer? Ou você pensa que basta um site e sua empresa já estará na era digital?

Bem, se você respondeu sim a qualquer uma das questões acima, é bom você prestar muita atenção nestas dicas de marketing digital para pequenas empresas que nós elaboramos. Está na hora de repensar ideias antigas. Veja algumas crenças que mostram que a abordagem da sua empresa em relação ao marketing online deve ser revista:

1. "O marketing digital é caro"

Em primeiro lugar, é impossível fazer um negócio crescer sem qualquer investimento em marketing. Dito isto, é importante ressaltar que o marketing digital é a forma mais econômica de marketing, se comparado com soluções mais tradicionais, como anúncios em televisão, rádio ou mídia impressa.

Ainda assim, é preciso investir nele pois para fazê-lo de forma efetiva será preciso contratar uma rede de profissionais que conheçam a área, especialmente quando se trata de monitorar e ajustar o desempenho para otimizar os retornos.

Para conquistar sua presença online, é possível utilizar diversos tipos de abordagens, como links patrocinados, otimização de páginas para a busca orgânica, inbound marketing, impulsionamento de publicações e muitos outros. A variedade de opções é tão grande que muitas vezes, as pequenas empresas não conseguem identificar o melhor caminho a seguir, por isso, buscar uma parceria para estes serviços é essencial para o sucesso do investimento.

2. "O marketing digital não produz um ROI (Retorno sobre Investimento) alto"

Um plano de marketing eficiente é aquele focado em resultados e é essencial mensurar os dados de maneira instantânea para saber o que funciona ou não e assim mudar a estratégia rapidamente.

Pesquisa da Hubspot relata que 72% das organizações que calculam o ROI dizem que sua estratégia de marketing é eficaz. Além disso, os profissionais de marketing que calculam o ROI tem 1,6 vezes mais chances de receber orçamentos mais altos.

3. "Só preciso de um site para otimizar o marketing digital"

Desenvolver um site é cada vez mais essencial para uma estratégia online bem-sucedida, mas só isso não é o suficiente, pois você precisa de tráfego para esse site e o marketing digital é uma ferramenta fundamental para o envio de tráfego.

Além do site, uma série de outras estratégias devem ser levadas em conta para ações bem-sucedidas: o marketing de conteúdo, mídias sociais e SEO (search engine optimization).

Os esforços de marketing digital também aumentam o alcance e a frequência, duas variáveis que mostram como as comunicações de marketing são eficazes, à medida que os clientes em potencial veem sua mensagem reverberada nas redes. E esses "ecos orgânicos" são mais influentes do que os anúncios tradicionais.

4. "Conteúdo: quantidade é mais importante que qualidade"

A criação de conteúdo relevante melhora o seu SEO, mas também pode impulsionar visitantes a fechar negócio. É por isso que entender seus clientes e potenciais clientes, compreender as ferramentas de influência e criar mensagens persuasivas faz uma enorme diferença em seus resultados.

Não é qualquer pessoa que pode fazer isso: profissionais da área têm inputs para comunicar com eficiência. E comunicar com eficiência implica em aliar informação ao retorno que ela gera.

5. "Meu público-alvo não está em plataformas digitais"

Não é mais verdade que o marketing digital só funciona com públicos mais jovens. Você pode alcançar quase todos os grupos usando o marketing digital, mas, mesmo quando é difícil alcançar seu público-alvo, é provável que você alcance os influenciadores. Pequenas e médias empresas estão investindo pesado em mídias digitais, ficar fora deste universo é perder várias oportunidades de negócio que nenhuma empresa consegue sustentar e quanto mais a empresa postergar estas ações, mais trabalho terá que ser desenvolvido para recuperar este tempo perdido.

6. "O marketing digital não é a melhor estratégia para o meu negócio"

O marketing digital pode funcionar para qualquer negócio em qualquer setor. Independentemente do que sua empresa vende, o marketing digital ainda envolve a criação de personas de compradores para identificar as necessidades do seu público e criar um conteúdo online relevante.

Enquanto empresas B2B usam para geração de leads, empresas B2C usam para gerar vendas nas lojas online. Além disso, todos os negócios se beneficiam do marketing por e-mail. Por se tratar de um canal de comunicação direta com o público, o e-mail marketing, quando aplicado respeitando suas normas e procedimentos, se torna uma ferramenta muito poderosa.

Até mesmo as empresas que podem achar difícil envolver os clientes ou os clientes em potencial sobre sua marca podem ganhar força usando o marketing digital para apoiar uma causa, como sustentabilidade, igualdade de gênero, luta contra discriminações, prevenção de doenças e por aí vai.

Entre os inúmeros exemplos, podemos citar as campanhas clássicas do Outubro Rosa (prevenção do câncer de mama), Setembro Amarelo (prevenção do suicídio) e Novembro Azul (prevenção do câncer de próstata), além das campanhas do agasalho que acontecem nos períodos mais frios do ano.

No entanto, isso não quer dizer que todas as empresas devem implementar uma estratégia da mesma maneira. E o diferencial está justamente aí: conhecer as tendências de marketing digital e entender seu público e seu mercado para delinear a estratégia mais adequada.

“O objetivo do marketing é tornar a venda supérflua. A meta é conhecer e compreender tão bem o cliente que o produto ou o serviço se adapte a ele e se venda por si só".
Peter Drucker

A frase de Peter Drucker, considerado o pai da administração moderna, pode ser aplicada sem erros para o marketing digital.

A cada salto tecnológico e a cada mudança no comportamento de consumo, as técnicas para persuadir e vender precisam ser atualizadas. É muito importante também conhecer e praticar boas técnicas de como fidelizar clientes para não perdê-los para a concorrência. Encontre a melhor maneira de fazer sua empresa crescer com as estratégias de marketing digital.

Para finalizar nossas dicas de marketing digital para pequenas empresas e direcionar suas ações em um caminho de sucesso, sugerimos que você avalie estas 4 sugestões:

  • Crie um site otimizado para busca orgânica utilizando as melhores práticas de uma consultoria em SEO;
  • Crie um blog e divulgue conteúdo relevante para o seu público;
  • Crie e mantenha atualizadas as redes sociais;
  • Avalie a contratação de uma agência de marketing digital.

Até a próxima matéria! Não se esqueça de se cadastrar em nossa NewsLetter para ficar sempre atualizado sobre o que acontece no marketing digital para pequenos negócios.

Quer atrair mais clientes?

Preencha o formulário abaixo com seus dados que entraremos em contato.

ENVIAR



Whatsapp da Linking Sites
Converse agora com a Linking