HOME
EMPRESA
SERVICOS
CLIENTES
PLANOS
BLOG
CONTATO

Como mensurar os resultados de sua estratégia de marketing

Home  >   Blog  >   Como mensurar os resultados de sua estratégia de marketing
Publicado em 26/08/2020

O marketing digital se tornou uma oportunidade de ouro para quem deseja investir na atração de clientes. No entanto, para ter certeza da eficiência das ações, é necessário mensurar estratégia de marketing, como forma de avaliar a qualidade dos resultados.

A mensuração é usada para verificar o desempenho das iniciativas de marketing que são postas em prática, levando em conta os objetivos traçados. Nesse sentido, é possível observar possíveis erros e, assim, corrigi-los para potencializar a estratégia.

Ou seja, ao mensurar as ações, é possível fazer o gerenciamento inteligente das campanhas, facilitar a identificação de problemas e, desse modo, orientar melhor as próximas iniciativas.

Mas como mensurar os resultados de sua estratégia de marketing?

O artigo de hoje vai responder esta pergunta, trazendo dicas de como avaliar as principais métricas de campanhas e acompanhar os resultados. Continue a leitura do post!

O que são métricas?

Como mensurar os resultados de sua estratégia de marketing: analistas discutindo metas.

As métricas são indicadores de mensuração de resultados, que nos ajudam a avaliar uma campanha específica ou um planejamento completo de marketing.

Ou seja, elas são sistemas de análises que permitem quantificar uma tendência, comportamento e variável, além de medir o desempenho das ações.

Através das métricas, é possível coletar dados e informações verídicas, que ajudam na tomada de decisões embasadas, além de permitir o diagnóstico empresarial de forma prática e direta.

Afinal, elas são usadas para a identificação de acertos, falhas, otimização de campanhas e gerenciamento de estratégias.

Ou seja, as métricas servem para:

  • Apontar resultados positivos ou negativos em campanhas;
  • Ajudar na tomada de decisões e investimentos;
  • Identificar o ROI (Retorno sobre Investimento);
  • Aprimorar as próximas campanhas;
  • Verificar o grau de engajamento do público.

Por conta disso, é fundamental saber como analisá-las, visto que cada métrica pode ter uma interpretação diferente, de acordo com os objetivos das campanhas.

Quais são as principais métricas do marketing digital?

As métricas podem ser usadas para vários propósitos, inclusive há indicadores específicos para avaliação de investimentos financeiros nas empresas.

Contudo, no marketing digital, é preciso conhecer alguns critérios principais, que são imprescindíveis na análise de campanhas. São eles:

ROI (Retorno sobre Investimento)

A taxa de retorno de uma campanha de marketing é conhecida como ROI, sendo uma das métricas mais usadas para avaliar a efetividade das ações.

Para calcular essa relação, é preciso dividir o lucro líquido pelo custo de investimento. Para isso, somam-se todas as vendas provenientes de uma campanha realizada e subtraem-se os custos, como investimentos em anúncios pagos, e-mail marketing, etc.

Por exemplo, uma empresa de rolamentos que investiu cerca de R$ 50 em anúncios nas redes sociais e, a partir disso, registrou R$ 150 em vendas, fará o seguinte cálculo:

ROI = 150 - 50 / 50
ROI = 100 / 50
ROI = 2

Embora o número “2” pareça pequeno, a sua interpretação dependerá de muitos fatores. No caso da campanha analisada, percebemos que o retorno foi positivo, portanto a empresa não ficou no prejuízo.

Mas o ROI pode ser calculado para diversas campanhas, como para estratégias de marketing de conteúdo, SEO (Search Engine Optimization), entre outros.

CAC (Custo de Aquisição por Cliente)

O CAC, ou custo de aquisição por cliente, é a métrica que avalia o quanto o seu negócio está investindo para conquistar um novo consumidor.

Ou seja, o indicador se refere à todo o trabalho ao longo do funil de vendas, incluindo a atração de visitantes, nutrição dos leads (potenciais clientes) e o fechamento da compra.

Por exemplo, uma corretora de seguros auto pode ter um alto investimento do CAC, o que não necessariamente é benéfico, uma vez que o número de clientes pode não oferecer um bom custo-benefício para a empresa.

A fórmula do CAC é simples:

CAC = Soma dos investimentos / Número de clientes adquiridos

Sendo assim, se a corretora investiu R$ 10.000 em marketing e vendas, mas conquistou 10 clientes novos, o CAC é de R$ 1000. Significa que para adquirir um cliente, a empresa gasta em torno de mil reais.

O ideal para o cálculo do CAC é ter um prévio controle sobre os processos de venda, principalmente de quantos clientes são gerados e o quanto se gasta em cada campanha.

Desse modo, quanto mais dados o gestor tiver sobre o ciclo de vendas, mais fácil é realizar ajustes para melhorar a métrica.

CRT (Click Through Rate)

O CRT, também conhecido como “taxa de cliques”, é uma métrica que mostra a relação entre o número de cliques e o número de visualizações de um anúncio, isto é, quantas pessoas clicaram no seu link depois de vê-lo.

Na prática, podemos imaginar uma fábrica de cabos elétricos que investiu em anúncios pagos no Facebook Ads. A própria rede social fornece um relatório com informações de quantas pessoas viram o conteúdo e quantos usuários clicaram de fato no material.

Assim, a fórmula do CRT é bem simples:

CRT = número de cliques / número de visualizações

Quanto maior for o CRT, melhor é a efetividade de uma campanha. Diante disso, se a fábrica teve 150 cliques e 1000 impressões, o CRT é de 0,15 ou 15%.

Taxa de abertura de e-mails

A taxa de abertura de e-mails refere-se à relação do número de pessoas que abriram a sua mensagem com os usuários que receberam o material.

Ela é uma métrica indispensável para avaliação de campanhas de e-mail marketing, no entanto, ela falha em mostrar se o lead realmente leu o e-mail por inteiro.

Mas isso não significa que ela é inválida. Ao contrário, a taxa de abertura é um excelente parâmetro para escolher o melhor horário para mandar um e-mail.

Por exemplo, ao enviar uma mensagem sobre curso segurança do trabalho, por volta das 18h, a empresa pode usar a métrica para verificar se houve uma grande quantidade de pessoas que realmente abriu o e-mail, ou se a taxa foi melhor em outros horário.

Ou seja, esse indicador é fundamental para o aprimoramento de campanhas em e-mail marketing, já que ele pode descobrir o melhor horário, verificar quais conteúdos foram mais impactantes e resultaram na abertura, entre outros.

CPL (Custo por Lead)

O CPL se refere à relação entre o valor gasto na campanha e o número de pessoas que se mostraram interessadas no produto ou serviço, ainda que elas não tenham fechado negócio com a sua empresa.

A fórmula básica é:

CPL = investimento de marketing / número de leads

Portanto, imagine que uma empresa contratou uma produtora de audiovisual para uma campanha no Facebook e investiu em um anúncio pago.

Esses são os custos de investimento em marketing, é preciso fazer a somatória deles para então dividir o resultado pelo número de leads gerados.

Taxa de conversão

A taxa de conversão é uma das métricas mais populares no marketing digital. Ela é usada para acompanhar o quanto a sua audiência realmente está convertida e, com isso, pode resultar em lucros para o seu negócio.

O cálculo é feito em porcentagem, através da relação entre o número total de visitantes de uma página, com a quantidade de usuários convertidos nela (seja pela inscrição em uma lista de e-mails, que entrou em contato com a empresa, entre outros).

Por exemplo, imagine que uma landing page está oferecendo um e-book com dicas para aprimorar a segurança na portaria para condomínios. A página teve 6.000 visitantes e 60 pessoas inscritas para receber o material, portanto, a taxa de conversão é de 1%.

Número de curtidas e compartilhamentos

O número de curtidas e compartilhamentos é uma métrica usada em redes sociais, servindo como uma base para medir o engajamento do público com uma determinada campanha.

No Facebook, o número de curtidas é o indicador mais popular, especialmente para analisar a quantidade de seguidores de uma página. No entanto, vale dizer que essa é uma métrica de vaidade, ou seja, ela pode não significar muita coisa, ainda mais quando analisada sozinha.

Inclusive, vale dizer que algumas redes sociais, como o Instagram, baniram a quantidade de curtidas aparentes.

Ou seja, é preciso levar em conta outros fatores e métricas de engajamento, pois só as curtidas não resultam em conversão e podem não influenciar na lucratividade dos negócios.

Conclusão

Como percebemos, as métricas são fundamentais para qualquer consultoria em gestão de negócios, pois elas ajudam a avaliar a efetividade de campanhas, os resultados de ações e na tomada de decisões estratégias, para aprimoramento das iniciativas.

Hoje em dia, o avanço tecnológico permitiu a otimização da análise de indicadores, tornando esse processo muito mais simples e fácil. Aliás, há softwares e plataformas especializadas no cálculo de métricas de marketing digital.

Dessa forma, as empresas podem melhorar suas campanhas e obter resultados ainda mais positivos em suas estratégias.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.