HOME
EMPRESA
SERVICOS
CLIENTES
PLANOS
BLOG
CONTATO

Saiba desenvolver um bom marketing pessoal

Home  >   Blog  >   Saiba desenvolver um bom marketing pessoal
Publicado em 28/02/2020

O marketing pessoal é uma estratégia diferenciada, que ao invés de propagandas e publicidade voltadas para um produto/serviço, tem como proposta fazer a promoção do próprio indivíduo, como forma de alcançar o sucesso.

Apesar de normalmente associado aos freelancers e autônomos, o marketing pessoal pode ser usado para todos os tipos de profissionais, visto que a estratégia está relacionada diretamente com a reputação, isto é, como você é visto e notado pelas outras pessoas.

Neste artigo, vamos falar um pouco mais sobre o marketing pessoal e dar dicas de como desenvolver a estratégia com eficácia. Continue lendo!

Marketing pessoal: o que é, como fazer e características

O marketing pessoal tem como proposta o fortalecimento da imagem e da reputação de um profissional, por meio da promoção da própria pessoa.

Ou seja, é uma ferramenta que transforma quem a utiliza em uma referência ou autoridade no mercado profissional.

A estratégia explora as habilidades do trabalhador, bem como suas experiências e a capacidade do profissional se promover no mercado.

Saiba desenvolver um bom marketing pessoal: gerente de terno e gravata conversando.

Por exemplo, o proprietário de uma barraquinha de crepe para festa pode usar o marketing pessoal para destacar a sua capacidade de desenvolver ótimas receitas, ou também o vasto portfólio de eventos atendidos.

O marketing pessoal envolve diversos conceitos e técnicas, incluindo a produção de conteúdo e posicionamento do profissional, para criar uma boa imagem. É o famoso “vender o peixe”, para alcançar o que se deseja.

Há várias maneiras de desenvolver um bom marketing pessoal, entre elas, destacam-se: a participação em redes sociais, a presença em eventos corporativos e ter artigos de apresentação diferenciados, como um cartão de visita laminado.

Com o crescimento da internet, o uso de portfólios online também se tornou uma estratégia muito eficiente para o marketing pessoal.

Com ele, o profissional consegue demonstrar seus melhores trabalhos e se destacar perante à concorrência.

Mas, por que investir no marketing pessoal?

Em um mercado cada vez mais competitivo e exigente, destacar-se em meio a inúmeros profissionais é fundamental para conseguir boas oportunidades e alcançar o sucesso. Por conta disso, desenvolver um bom marketing pessoal é imprescindível.

Além do mais, o marketing pessoal é capaz de atrair a atenção dos contratantes para o seu trabalho.

Por exemplo, se você tiver um buffet para casamento de churrasco, é interessante ter um portfólio online para que os casais conheçam um pouco mais do serviço.

De acordo com pesquisas, cerca de 70% dos empregadores conferem as redes sociais dos candidatos antes de contratá-los, ou então, acessam algum tipo de site, blog ou portfólio online.

Portanto, uma das prioridades do marketing pessoal é desenvolver a sua imagem como profissional. Nos dias de hoje, isso é possível principalmente com o auxílios das redes e das páginas web.

Por esse motivo, deve-se ter cuidado com o que você publica online, já que no marketing pessoal, mesmo a sua vida privada conta na hora de construir uma boa imagem profissional.

Além disso, o marketing pessoal é importante, pois:

  • Auxilia no recebimento de mais propostas de trabalho;
  • Gera reconhecimento no mercado;
  • Torna suas atividades reconhecidas;
  • Possibilita alcançar novas posições na empresa;
  • Ajuda na conquista de confiança dos clientes e das instituições.

Diante disso, o marketing pessoal vale para todos os profissionais que desejam se destacar, seja uma grande nacional, ou um pequeno negócio de impressão de etiquetas personalizadas.

8 dicas para desenvolver um bom marketing pessoal

Assim como toda estratégia, o marketing pessoal requer planejamento. Para colocá-lo em prática, é necessário verificar quais são os seus principais objetivos e, desse modo, pensar em como alcançá-los.

Abaixo, separamos algumas dicas para você desenvolver um bom marketing pessoal. Confira!

1 - Melhore a sua comunicação com clientes e empresa

A comunicação é uma das chaves do marketing pessoal. Afinal, ela é a principal responsável pela transmissão de ideias, pensamentos e, até mesmo, a construção da imagem de cada trabalhador.

Por exemplo, se você tem um negócio de fabricação de camiseta personalizada bordada, é fundamental ter uma comunicação eficiente com os clientes, para a confecção de um vestuário personalizado.

Vale dizer que uma boa comunicação é capaz de transmitir certos valores. O uso de palavrões, gírias e linguagem de baixo calão pode ser uma maneira de afastar clientes e empregadores, já que passa uma impressão ruim do profissional.

É importante, dessa maneira, se expressar com tranquilidade, mas sem perder a seriedade, optar por uma linguagem formal, se atentar às formas como se gesticula e as questões de expressão corporal.

2 - Tenha um visual adequado com o seu perfil profissional

No marketing pessoal, ter uma boa aparência não significa comprar roupas de grife. Ao contrário, você pode muito bem cuidar do seu visual somente mantendo a higiene da sua camisa polo para empresa e de todo o vestuário.

Pode parecer superficial, mas a aparência transmite sensações para os clientes e empregadores. Por exemplo, um trabalhador sujo e com roupas rasgadas pode não transmitir credibilidade.

Também é importante manter uma aparência sóbria, quer dizer, sem excessos. Isso vale para homens e mulheres - perfumes, maquiagem, esmaltes e acessórios podem comprometer o visual, especialmente no ambiente de trabalho.

3 - Seja simpático com seus clientes e com colegas de trabalho

Sabemos que nem todos os dias são bons e é normal acordarmos chateados, cansados e preocupados em algumas ocasiões.

No entanto, é importante que você mantenha a simpatia e a empatia com clientes, empregadores e colegas de trabalho.

Por exemplo, ao encontrar um outro funcionário no controle de acesso linear, dê um “bom dia”, cumprimente-o de maneira cortês. A conversa não precisa se estender, apenas com a boa educação é possível ser simpático.

4 - Tenha um bom networking

O networking consiste na capacidade de selecionar pessoas no seu currículo e investir nelas, para no futuro, receber algo em troca. É a maneira de ter outros profissionais ao seu lado e, assim, abrir portas para novas oportunidades.

Por exemplo, se você tem um negócio de locação de gerador silencioso a diesel, é indicado ter um networking com equipes de vendedores, para que, se necessário, eles possam indicar a sua empresa.

Uma boa forma de conquistar vários contatos na sua lista de networking é participar de eventos na sua área, entrar em contato com empresas interessadas no seu serviço, ter um bom relacionamento com demais profissionais e conhecer o mercado de trabalho.

5 - Cuide da sua imagem virtual

Já mencionamos a importância de ter cuidado com o que se posta em redes sociais e outras páginas na web.

Além dos empregadores consultarem essas páginas, os clientes também entram na internet para procurar mais sobre você.

Recomenda-se evitar compartilhar coisas extremamente pessoais, como fotos de família, amigos e festas.

Se você deseja trabalhar o seu marketing pessoal na internet, poste sobre cursos que já fez, eventos corporativos que participou, entre outras atividades ligadas ao mercado de trabalho.

6 - Entregue bons resultados e seja proativo

As empresas buscam colaboradores que tenham eficiência e entreguem resultados positivos. Por conta disso, é importante deixar claro que o seu trabalho tem valor e apostar na proatividade.

Assim, ao perceber que algum processo pode ser melhorado, você pode planejar uma solução, em conjunto com uma boa argumentação e apresentá-la ao superior. Atitudes como essa ajudam na sua imagem pessoal e profissional.

7 - Invista em qualificação profissional

Conhecimento nunca é demais, principalmente quando lidamos com o mercado de trabalho. As empresas gostam de profissionais antenados, que estejam atentos às tendências modernas e tenham certificação em áreas relacionadas.

Por conta disso, é fundamental investir em qualificação, em busca de constante desenvolvimento e aprendizado. Você pode usar do seu tempo livre para investir em capacitação e adquirir novos saberes.

Quando se permanece estagnado, você tende a limitar o seu desenvolvimento profissional e, além disso, pode ser substituído por um profissional mais qualificado.

Assim, seja por meio de cursos, palestras ou treinamentos, lembre-se de ressaltar a sua participação nesses eventos e, se necessário, destaque os cursos que você já fez e o quão importante eles foram para a sua formação.

8 - Saiba como trabalhar em equipe

O marketing pessoal não diz respeito somente a você, mas como os seus comportamentos, enquanto profissional, são adequados para os trabalhos em grupo e com demais colegas da empresa.

Os empregadores dão preferência para funcionários que saibam como trabalhar em equipe, pois esta habilidade demonstra capacidade de relacionamento interpessoal para administrar conflitos.

Desse modo, mostre que você é um bom profissional e mantém uma relação de trabalho boa com os colegas. Lembre-se que uma equipe coesa entrega melhores resultados e ajuda no sucesso da empresa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.




Whatsapp da Linking Sites
Converse agora com a Linking