HOME
EMPRESA
SERVICOS
CLIENTES
PLANOS
BLOG
CONTATO

SEO On Page e SEO Off Page: entenda as diferenças

Home  >   Blog  >   SEO On Page e SEO Off Page
Publicado em 11/02/2021

Assim como outras pessoas, você já deve ter ouvido falar em SEO On Page e SEO Off Page. Mas você sabe, realmente, o que são e como utilizá-los?

O SEO (Search Engine Optimization) é um conjunto de estratégias importantes, que tem como objetivo otimizar um site para que ele apareça entre os primeiros resultados de pesquisa do Google.

Estar bem posicionado toda vez que um usuário fizer uma pesquisa é fundamental para o que chamamos de estratégias orgânicas. Elas não servem apenas para você economizar dinheiro em ações de marketing, mas também para posicionar melhor a sua marca.

As pessoas sabem muito bem que quando fazem uma pesquisa, alguns links se referem a anúncios e outros a conteúdos genuínos, que estão lá para esclarecer as dúvidas existentes, bem como ser uma solução viável.

É claro que aquela marca que oferece algo de valor, como informação, para os consumidores vai se destacar. E acredite, é isso o que eles valorizam hoje. Empresas que vão além da necessidade de venda e se interessam pela necessidade deles.

SEO On Page e SEO Off Page: desenvolvedor programando uma página html no notebook.

É por isso que, neste artigo, vamos explicar as duas vertentes do SEO e mostrar quais são as melhores estratégias.

O que é SEO?

SEO é uma sigla para Search Engine Optimization, que em português significa “Otimização para Motores de Busca”. Seu objetivo é simples: fazer com que as páginas do seu negócio sejam encontradas facilmente pelos usuários nos sites de busca.

Então, se alguém digita a seguinte busca “portaria remota Ribeirão Preto”, vai encontrar entre os primeiros resultados aquelas empresas que prestam esse serviço e que utilizam as estratégias em SEO.

Ela pode usar tanto o SEO on page quanto o SEO off page, e entender o conceito de cada um deles é a única forma de aplicá-los do jeito certo. Para que você possa entender melhor, antes de prosseguirmos, vamos explicar brevemente do que se trata cada um.

SEO On Page

SEO on page diz respeito a todas as ações que você realiza dentro do site e que estão sob o seu controle. Por exemplo, quando você torna o site responsivo, os conteúdos produzidos para ele, as palavras-chave usadas, dentre outros pontos.

Ou seja, são ações que uma empresa especializada em construção civil, por exemplo, coloca em prática em suas páginas na web, e que dizem respeito única e exclusivamente ao site.

SEO Off Page

SEO off page, por outro lado, diz respeito a estratégias que você pode realizar, mas que mostram para o Google como o seu site se relaciona com outras páginas da web e também de que forma ele é visto pelos demais.

É por meio das estratégias de SEO off page que o Google avalia o nível de relevância e confiabilidade de uma página, por meio de estratégias inteligentes, como:

  • Link Building;
  • Parcerias;
  • Ações das redes sociais;
  • Guest Post.

Veremos um pouco mais a respeito de cada uma dessas estratégias mais à frente. Mas antes disso, no próximo tópico, vamos falar sobre as ações do SEO on page.

Dicas para melhorar seu SEO on page

O SEO on page funciona por meio de ações que são colocadas em prática dentro do seu site. Para isso, é preciso investir em alguns pontos específicos. Sendo eles:

Title Tag

Trata-se do título do site que aparece no buscador, por meio dele, um escritório de contabilidade para empresas, por exemplo, consegue dar uma prévia do que o usuário vai encontrar.

É importante que a palavra-chave apareça nele. Por exemplo, uma loja e-commerce especializada em maquiagem pode inserir o termo “maquiagem para peles machucadas” em sua title tag.

Busca de palavras-chave

Já que falamos delas, vamos manter o foco aqui. As palavras-chave são termos usados pelo seu público-alvo na hora de pesquisar algum assunto relacionado à sua marca e ao que ela vende.

SEO On Page e SEO Off Page: mão escrevendo a palavra keywords.

Pense, por meio de quais termos as pessoas procurariam uma informação? No caso da loja de maquiagem, um bom exemplo de palavra-chave seria “maquiagem para festa”, ou então “tendências de batom para 2021”.

Note que os termos não estão voltados para uma compra, mas para uma curiosidade do usuário. Mas outros termos também podem ser usados, como “sombra preta preço”, por exemplo.

Existem ferramentas que te ajudam a encontrar as melhores palavras-chave, mas você também pode pesquisar no próprio Google e ver como seus concorrentes utilizam.

Heading Tags

As heading tags são os títulos e subtítulos que as escolas de cursos profissionalizantes SP, por exemplo, usam em sua página, mas seguindo uma lógica.

Isso porque os buscadores, como o Google, se baseiam nesses títulos para indexar o conteúdo. Para isso, utilize H1 para o título, não se esquecendo de incluir a palavra-chave nele.

Depois, conforme a necessidade, insira H2, H3 e assim por diante. O objetivo é parecido com o da Title Tag que falamos mais acima, mas sem limite de caracteres.

Linkagem interna

Os links internos são aqueles que direcionam os visitantes do site para outros conteúdos dentro dele. É muito importante usar essa estratégia para fazer com que o usuário permaneça mais tempo navegando no seu site.

Isso porque o Google analisa o tempo de permanência dos usuários em cada plataforma. Quanto mais tempo ele permanecer e quanto mais páginas ele visitar, mais o Google conclui que ali tem conteúdo relevante e valioso para as pessoas.

Então, se uma organização especializada em serviços de limpeza para empresas criar um artigo, ela pode inserir links ao longo dele que direcionam o usuário para assuntos que estão relacionados e complementam aquele que está sendo visto.

É importante prestar atenção no link inserido. Certifique-se de que o conteúdo mencionado está atualizado e, principalmente, se ele tem a ver com o que está sendo falado.

URL

A URL da página precisa ser amigável, ou seja, conter a palavra-chave e ser de fácil rastreio para o Google.

Quanto menos caracteres e números ela tiver, melhor. Um bom exemplo de URL amigável seria: www.seo.com.br/o-que-e-seo-on-page.

Note que ela não possui muitas palavras, contém a palavra-chave e está ausente de números. Além de o Google identificar melhor o conteúdo, os visitantes podem decorá-la com facilidade.

Meta Descrição

Trata-se de uma descrição curta que aparece logo abaixo da URL nos resultados de pesquisa. É uma descrição capaz de dar uma boa noção sobre o que fala o conteúdo, usando, claro, a palavra-chave escolhida.

O ideal é que ela conte com, no máximo, 300 caracteres, deixando claro o assunto e seus principais tópicos.

Dicas para melhorar o SEO off page

O SEO off page funciona por meio de ações externas ao site, mas que ajudam também em seu posicionamento. Para melhorá-lo, é importante investir em estratégias como:

Link Building

Trata-se de uma estratégia usada pelos profissionais de marketing digital, contratados pelas empresas de serviços de desentupimento e muitas outras, para gerar backlinks.

Para que outros sites apontem o seu, existem algumas abordagens eficientes. Só que a qualidade dele conta muito mais para obter bons resultados.

Criar conteúdos de qualidade e alto potencial de compartilhamento também é uma forma de atrair páginas que mostram o seu site como referência.

Assessoria de imprensa digital

Os assessores de imprensa podem potencializar a presença on-line de uma marca, por meio de citações e backlinks de qualidade.

Dessa forma, uma empresa de cotação de seguro auto, por exemplo, consegue atrair mais visibilidade para seu site, bem como consegue tráfego de referência.

O Google entende que ele possui conteúdo legítimo e relevante, o que traz mais confiança e, consequentemente, um posicionamento melhor nos resultados de pesquisa.

Redes Sociais

Lembre-se, tudo o que for postado no seu site ou blog deve ser compartilhado nas redes sociais.

Isso aumenta o tráfego orgânico nas publicações, o que ajuda a manter seu site em evidência.

Guest Post

Uma importante estratégia adotada por todo perfil de empresa, é o Guest Post. Trata-se de uma parceria entre duas marcas, para produção de conteúdo voltado a um mesmo público-alvo.

Por exemplo, uma pessoa que pesquisou sobre material de limpeza preços no Google, talvez se interesse por contratar uma diarista. Neste caso, a loja de produtos de limpeza e uma agência de diaristas podem fazer parcerias de publicação.

Parcerias

As parcerias com outros blogs são o melhor caminho para conquistar linkagens e menções.

Apenas se atente para que os conteúdos sejam de qualidade, bem como atendam uma área de atuação relacionada a sua.

Conclusão

Não basta ter um site, é preciso otimizá-lo para que ele realmente traga bons resultados, e as estratégias de SEO são a melhor forma de fazer isso.

Agora que você sabe como usar o SEO on page e off page, vai transformar o seu site em uma verdadeira ponte entre o seu negócio e as novas oportunidades.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.