HOME
EMPRESA
SERVICOS
CLIENTES
PLANOS
BLOG
CONTATO

Marketing reverso: entenda o conceito

Home  >   Blog  >   Marketing reverso: entenda o conceito
Publicado em 05/02/2022

O marketing reverso é uma estratégia que faz com que os consumidores procurem sua empresa em busca de seus serviços e produtos. Ele vem para alterar a ordem do mercado em que sua marca corre atrás dos consumidores, buscando atenção.

Esse é o fluxo mais comum do marketing, mas esse comportamento vem se modificando nos últimos anos. Esse movimento exige muito mais criatividade das empresas, além de estratégias menos agressivas que possibilitam essa busca pelo próprio consumidor.

Com uma lógica menos agressiva e menos invasiva, o marketing reverso leva sua marca de forma natural para a rotina do potencial cliente. Essa é uma forma de chamar a atenção e se posicionar, estimulando uma busca orgânica por parte dos usuários.

Frente a um mercado altamente competitivo, é preciso saber lidar com o comportamento do usuário para levar a melhor experiência possível para quem entra em contato com a sua marca.

Marketing reverso: entenda o conceito: equipe discutindo estratégias para a empresa.

Pois bem, pensando em tudo o que foi dito até aqui, neste artigo abordaremos o marketing reverso, o que é, quais são seus principais benefícios e dicas para sua aplicação.

Vamos também pontuar a diferença entre esse conceito e a anti-propaganda, que pode gerar algumas dúvidas entre os conceitos. Então leia esse artigo até o fim para conferir.

O que é Marketing Reverso?

Durante muito tempo, o marketing teve um fluxo no qual o objetivo era levar os produtos e serviços de um sistema para controle de delivery, por exemplo, para o consumidor por meio da publicidade.

Mas chegamos a um ponto que o cliente já não aceita tão bem os anúncios tradicionais, por isso é necessário um novo formato para atraí-los.

De forma prática, falamos em marketing reverso quando o próprio consumidor passa a ter a iniciativa de buscar as soluções que uma empresa tem a oferecer.

Já tendo sua demanda ou um determinado problema em mãos, o consumidor vai atrás de marcas que se encaixem com suas necessidades.

Então o que ocorre é uma inversão da ordem tradicional de procura, em que as marcas iam atrás dos clientes. Assim, uma fábrica de porta de enrolar precisa se adaptar às mudanças no comportamento do usuário.

A transformação digital foi uma grande força motriz no sentido de empoderar o consumidor, dando voz ativa para ele encontrar o que procura.

As pesquisas nos mecanismos de busca são exemplos desse empoderamento, sendo um dos principais canais no marketing reverso.

Nesses mecanismos de busca, como o Google, o Bing ou o Yahoo, o usuário faz sua pesquisa no espaço de buscas, e as empresas lutam para se encaixar nessa demanda.

Tem-se, portanto, uma mudança no foco da publicidade criada, em que se as marcas se concentram nos benefícios que podem gerar ao usuário, e não mais na insistência para que o cliente faça uma compra.

Nesse ponto é importante ressaltar que o marketing reverso não está relacionado a uma propaganda negativa sobre a marca, e sim a uma mudança na abordagem de comunicação.

É a atração do cliente por empresas de consultoria ambiental que têm uma abordagem mais sutil, criando anúncios, campanhas e materiais que tenham um foco mais abrangente, não ficando somente martelando em cima do serviço ou produto em si.

Qual a diferença da anti-propaganda?

Para entender melhor o que é o marketing reverso é importante diferenciá-lo da anti-propaganda.

O marketing reverso tem como objetivo melhorar as vendas utilizando uma abordagem em que se concentra em destacar as vantagens e os benefícios de um determinado produto ou serviço, como consultoria aduaneira.

Já a anti-propaganda ocorre quando uma campanha ou anúncio tem o objetivo de mostrar que um produto é ruim.

O exemplo mais emblemático da anti-propaganda é o caso dos cigarros que a OMS (Organização Mundial da Saúde) investe em propagandas que destacam os problemas causados pelo consumo dessa substância.

Como você pode ver, os dois conceitos são completamente opostos, não tendo nenhuma relação.

O marketing reverso é usado para destacar de forma mais sutil os benefícios e vantagens de um determinado item. Enquanto a anti-propaganda mostra de forma bastante agressiva quais são os malefícios de algo.

Quais os principais benefícios do marketing reverso?

Aplicar a estratégia de marketing reverso é uma forma de fortalecer a imagem da sua marca no mercado e para os clientes. Listamos a seguir os principais benefícios da aplicação dessa estratégia para uma organização.

Não tem como base estratégias coercitivas

As estratégias com base coercitiva, que interrompem o usuário para mostrar um serviço ou produto, como é o caso das propagandas tradicionais, já cansaram o consumidor.

E a principal vantagem do marketing reverso é não ter essa abordagem, pelo contrário, investe em ações sutis.

A estratégia do marketing reverso pode muito bem abranger o marketing de conteúdo, que pode ser uma importante ferramenta para uma empresa de informatica SP.

Marketing reverso: entenda o conceito: jornalista desenvolvendo um conteúdo para o blog.

Com a produção de conteúdo relevante, útil e único, que ajuda o usuário a identificar e a solucionar uma demanda ou problema, você gera valor às suas estratégias.

Estes conteúdos tem como função ajudar o usuário em uma demanda, não colocando o produto ou serviço como foco principal em busca de uma venda.

Fortalece o relacionamento com os clientes

Como é uma estratégia que gera valor para o consumidor, cria-se uma relação de proximidade com ele. É algo diferente da relação criada quando uma marca apenas tenta empurrar um produto para o cliente.

Com esse comportamento de ajudar o cliente, é possível aumentar as taxas de fidelização com boa eficiência. Isso acontece porque quem emprega o marketing reverso, acaba por se destacar perante a percepção do consumidor.

Basta pensar que em meio aos diversos anúncios que chegam diariamente até ele, está a sua empresa de terceirização de TI, trazendo material rico que ajuda o usuário com seu problema ou demanda.

Melhora da imagem da marca

Uma consequência do marketing reverso para uma marca é que ela passa a ser vista de forma mais positiva pelos consumidores.

Quando você foca nas vantagens e benefícios de sua marca, ao invés de apenas incentivar o público a comprar seus produtos ou contratarem seus serviços, fortalece a imagem da marca.

4 Dicas para colocar o Marketing Reverso em ação

Após conferir essas vantagens, certamente está se perguntando como pode colocar essa estratégia em ação. Pontuamos a seguir 4 dicas para você implementar o marketing reverso na sua empresa, gerando ótimos resultados.

1. Avalie a imagem atual da sua marca

O primeiro passo, antes mesmo de você começar a aplicar sua estratégia de marketing reverso, é fazer uma avaliação completa da imagem da sua marca, avaliando a empresa como um todo, bem como os serviços e produtos oferecidos.

A partir disso, você terá uma visão mais abrangente sobre o que está funcionando e o que precisa ser aprimorado. Assim, um curso de capacitação online precisa estabelecer objetivos e metas para que realmente exista uma contribuição do marketing reverso.

Faça uma análise para entender o que os consumidores pensam da sua marca, e o isso guiará todo seu plano de marketing.

2. Conheça muito bem seu público-alvo

O segundo passo é justamente conhecer profundamente o seu público-alvo, ou seja, quem você quer impactar. Considere quais são seus:

  • Desejos;
  • Demandas;
  • Problemas;
  • Soluções.

Faça um estudo detalhado para desenhar uma persona, uma personificação de seu cliente ideal. Assim você saberá qual linguagem utilizar e o que oferecer para criar campanhas e ações de sucesso.

Quando você tem um estudo abrangente que permite que se conheça quem é seu consumidor, é possível impactá-lo de forma mais eficiente, o que aumenta suas chances de conversão.

3. Tenha permissão para entrar em contato com os clientes

Como pontuamos logo no início, o marketing reverso é o menos invasivo possível, e isso é muito importante. Além de empregar anúncios mais sutis, ofereça ao consumidor a escolha de aceitar ou recusar suas campanhas.

Com isso você ganha pontos com seu público, principalmente em uma época em que todos são bombardeados com anúncios e propagandas.

4. Ofereça valores que os clientes desejam

Você deve mostrar quais são as vantagens e benefícios que seu software de call center pode gerar para o usuário. Busque ganhar a confiança do consumidor com ações pouco invasivas, oferecendo o que eles procuram.

Essa sintonia é essencial em uma estratégia de marketing reverso, em que sua marca precisa ser útil ao consumidor.

Considerações finais

Nesse artigo você conheceu mais sobre a estratégia de marketing reverso, seus benefícios e dicas para sua aplicação. Se você tem liberdade para testar novas campanhas, faça essa experiência, gerando mais valor para seu consumidor.

Prezando por uma boa execução, o marketing reverso vai levar inúmeros benefícios para sua empresa e sua realidade.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.